A divulgação por parte do diretor da Fundação de Vigilância em Saúde do Estado do Amazonas, Bernardino Albuquerque, sobre a confirmação de um caso de sarampo no município de Parintins, assim como nas cidades de Itacoatiara e Manacapuru, deixou as autoridades em alerta.

Até então a Prefeitura de Parintins, por meio da Secretaria de Saúde/Coordenadoria de Vigilância em Saúde informavam apenas sobre suspeitas de casos de sarampo.

Porém, a coordenadora de Vigilância em Saúde de Parintins, Elaine Pires, desmente a informação repassada pelo diretor da FVS sobre paciente com diagnóstico positivo da doença.

Por causa disso Elaine concedeu entrevista no programa Ciranda da Cidade, na manhã desta sexta-feira, para divulgar a programação de atendimento à população, como também orientação e esclarecimentos.

“Afirmo que em nosso sistema há trinta casos suspeitos. Desses trinta casos, quatro deles foram descartados, o restante está sob análise e estamos esperando a resposta”, disse Elaine.

A entrevista do diretor da Fundação de Vigilância em Saúde, Bernardino Albuquerque foi ao ar no programa Ciranda da Cidade na manhã de ontem.

Red.: Neudson Corrêa