O Papa Francisco nomeou, na manhã desta quarta-feira (16), o padre José Albuquerque de Araújo, como novo bispo auxiliar da Arquidiocese de Manaus. Ele já foi pároco da Catedral Metropolitana Nossa Senhora da Conceição e atualmente exerce a função de reitor do Santuário Maior de Manaus, localizado no bairro da Chapada, Zona Centro-Sul. As informações foram divulgadas pela Conferência Nacional dos Bispos do  Brasil (CNBB).

Natural da capital amazonense, padre Zezinho, como é conhecido pelos fieis, nasceu no dia 17 de junho de 1968 e foi ordenado por Dom Luís Soares Viera, em quatro de agosto de 1996. Cursou faculdade de Filosofia, é pós-graduado em Gestão Educacional e mestre em Teologia Dogmática com especialização na liturgia católica.

Além de padre, o amazonense também atua como professor de História da Igreja no Instituto de Teologia Pastoral e Ensino Superior da Amazônia (Itepes). Como presbítero, além da Igreja Matriz, administrou as paróquias Santa Luzia, São Lázaro, Coração Imaculado de Maria e São Francisco de Assis.

Nomeado, padre José Albuquerque deixará a responsabilidade pelos seminaristas e passará a residir na Residência Arquiepiscopal, localizada no Centro da capital. Ele atuará ao lado do Arcebispo Metropolitano, Dom Sérgio Castriani e do também bispo auxiliar, dom Mário Antônio da Silva.

Segundo a Assessoria de Comunicação da Arquidiocese, a ordenação episcopal está marcado para o dia 19 de junho, às 10h, na Catedral Metropolitana de Manaus. Na quinta-feira (17), mais informações devem ser divulgadas durante coletiva de imprensa.

Fonte: G1 Amazonas