Um grupo de estudantes parintinenses da Escola Estadual Senador João Bosco foi credenciado para representar o Estado do Amazonas na etapa nacional do projeto promovido pela Samsung “Respostas para o amanhã”, com a temática “Sustentabilidade e meio ambiente”.

A equipe parintinense é coordenada pela professora Célia Serrão que conduziu as atividades com participação do professor Jocifran Ramos Martins. O projeto na Escola Senador João Bosco conta com a participação de professores, familiares e toda comunidade estudantil.

Em setembro, os projetos vencedores regionais, incluindo do João Bosco, terão seus vídeos publicados no site para a votação aberta do público, que elegerá os cinco projetos vencedores pelo Júri Popular, um de cada região.

De acordo com o professor Venício Garcia, gestor da escola Senador João Bosco, os 25 projetos serão avaliados por uma Comissão Julgadora composta por especialistas e representantes de instituições parceiras do Prêmio.

A partir do concurso serão conhecidos os três projetos vencedores nacionais da 5ª Edição, que viajarão para São Paulo e participação de um intercâmbio científico-cultural onde todos os estudantes da classe e os professores terão oportunidade de trocar experiências e aprofundar seus conhecimentos.

De abrangência nacional, o Prêmio Respostas para o Amanhã é uma iniciativa da Samsung, com coordenação geral do CENPEC – Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária, e tem por objetivo estimular e difundir projetos desenvolvidos por alunos do Ensino Médio que estudam em escolas públicas.

Os projetos são desenvolvidos com todos os alunos de uma única turma que, por meio de ações investigativas e colaborativas que acessam os conhecimentos científicos, elaboram e propõem soluções simples para melhorar o lugar onde vivem, contribuindo, assim, para uma sociedade mais sustentável.

Em sua 5ª edição, o Prêmio traz como inovação o envolvimento de até três professores na realização do projeto. O professor coordenador que, obrigatoriamente deverá lecionar nas áreas das Ciências da natureza e da Matemática e suas Tecnologias, poderá indicar até outros dois professores parceiros que poderão lecionar em outras áreas como Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Ciências Humanas e suas Tecnologias.

Red.: Neudson Corrêa