Ministros da palavra, Ministros da Comunhão Eucarística, catequistas e agentes de pastorais de todas as comunidades que fazem parte de Área Missionária São Francisco Xavier, de Vila Amazônia, participaram de um encontro sob a coordenação do padre Arilton Cascaes, vigário geral da Diocese de Parintins neste dia 20 de maio no Centro Social da Igreja Nossa Senhora de Fátima e teve por objetivo orientar sobre o projeto de Iniciação à Vida Cristã (IVC).

O também administrador da Área Missionária, padre Arilton Cascaes, destacou a importância da inserção do projeto nas localidades do Assentamento de Vila Amazônia. De acordo com ele, a Igreja Católica local tem a finalidade de valorizar ainda mais a Eucaristia junto os comunitários.

O religioso disse que ainda que, a partir desses encontros haverá um incentivo maior para que sejam construídos sacrários nas comunidades para guardar a Eucaristia, assim como a formação de mais ministros.

“Estamos tratando sobre a importância da Eucaristia, sobre sua força na comunidade como alimento de fé cristã. Estamos discutindo a necessidade da presença dos sacrários e dos ministros nas localidades que ainda não possuem a presença viva de Jesus. A Palavra e a Eucaristia são dois pilares de nossa espiritualidade e os comunitários estão entendendo a relevância de comungar nos domingos junto com toda a comunidade, o corpo e sangue de Jesus Cristo”, disse padre Arilton.

O ministro da palavra Adilson da Costa Silva, da comunidade Menino Deus do Paraná de Parintins do Meio, comenta com alegria sobre esse novo método de evangelização que a Igreja Católica está levando para as comunidades rurais.

“A gente recebe com alegria o projeto, pois sabemos que esse novo modelo de catequese busca a união entre as pastorais, e nós como ministros, catequistas e agentes precisamos aprender a fazer o rito nas celebrações”, contou o ministro.

Red.: Neudson Corrêa