Os 24 anos de Escola Municipal Luiz Gonzaga, da comunidade Santo Antônio, do Rio Tracajá, comemorados na semana passada, pode ser considerado como um marco histórico e ponto de partida para uma manifestação que ficará inserida no calendário de atividades culturais da zona rural.

A programação foi marcada pela realização do concurso de poesia, gincana, abraço na escola e apresentações de grupos de danças como parte do Festival de Arte e Cultura (Festarte).

O momento mais esperado da festa de aniversário do educandário foi a realização do Primeiro Festival Folclórico com disputa de quatro bois-bumbás da região, entre eles o Boi Malhadinho, da comunidade Simeão Ponta Alta; Marronzinho, da comunidade do Maranhão, Invocadinho, da comunidade Santo Antônio do Rio Tracajá e Nota 10.

De acordo com o professor Valter Pereira de Menezes, da escola Luiz Gonzaga, e único que ainda trabalha desde a criação do educandário, em 1994, foi o porta voz do resultado do festival.

O primeiro lugar foi para o boi Invocadinho, como 339,8 pontos. O segundo lugar foi para o boi Nota 10 com 339,3 pontos. A terceira colocação ficou com o boi Malhadinho, com 338,6 pontos. E na quarta posição, o boi Marronzinho que obteve 337,7 pontos.

Red.: Neudson Corrêa